DIN ou YOKE?

DIN ou YOKE?

Qual 1º estágio escolher na hora da compra?

Curso de Mergulho finalizado. Começo a mergulhar e percebo que daqui pra frente o mergulho estará sempre presente em minhas férias. Mais do que isso, programo minhas viagens em função dos melhores destinos para mergulhar. Em pouco tempo começo a sentir a necessidade de ter meu próprio equipamento.
Foi assim que aconteceu comigo. Na realidade, sempre digo para os meus alunos que o melhor equipamento do mundo é ¨o seu¨. Entretanto, na hora da compra muitas dúvidas surgem. Qual roupa adquirir? Qual colete? Qual regulador? Nos dias de hoje a oferta de produtos na Internet é tamanha, que a melhor coisa a fazer é buscar a ajuda de um profissional ou Divecenter para auxilia-lo na parte técnica. Mais do que o valor baixo, você pode estar adquirindo um equipamento que não está ajustado as suas expectativas ou mesmo ao seu mergulho.
Quando o assunto é regulador essa dúvida se torna ainda maior. Nessa matéria, vamos abordar apenas um tópico relacionado a eles, mas teríamos assunto para uma ou duas horas somente falando de reguladores, características e funcionamento. Ministro um curso de equipamento de 12 horas onde 80% do tempo falamos dessas maquininhas.
DIN ou YOKE ? Eis a questão...
Conforme ensino no curso básico, o padrão DIN é fixado no cilindro através de uma conexão de rosca. Existem dois padrões no mercado ou DIN200 e DIN 300. O que os diferencia é o tamanho da rosca e a pressão de trabalho de cada um, 200 e 300 bar respectivamente. Importante mencionar que se o seu regulador é um DIN300, ela encaixará em uma torneira DIN200 ou DIN300. Já se o seu regulador tem um encaixe DIN200, ele não encaixará numa torneira DIN300. Sendo assim, se até o final dessa matéria, a sua opção for pelo DIN, procure um DIN300 para não ter problemas com alguns tipos de torneiras.
O padrão YOKE é o mais comum do mercado dentro do mergulho recreacional até 40 metros de profundidade. É muito mais fácil encontrar tanques com torneira YOKE do que DIN em nossa região bem como no Caribe.
Em ambos os casos, existem adaptadores que convertem o regulador e as torneiras DIN em YOKE. Entretanto um regulador DIN com adaptador, fica bem maior que um regulador YOKE e em alguns casos quando montado no cilindro, chega a encostar no colete equilibrador. Abaixo um torneira DIN com o adaptador YOKE:

Torneira Din com adaptador
Outro ponto muito debatido em fóruns de discussão é a segurança dos dois sistemas. Muitos mergulhadores afirmam que o sistema DIN é mais seguro pelo fato da conexão ser por rosca. Na minha opinião ambos os sistemas possuem o mesmo grau de confiabilidade. Além disso, o sistema YOKE tem um histórico de segurança comprovado ao longo de décadas de uso e milhares de mergulhos.
Antes de escolher, temos que questionar se a sua intenção futura é de migrar para o mergulho técnico (caverna, interior de naufrágios ou mais profundo que 40 metros). Se você iniciou no mergulho há pouco tempo, é provável que você ainda não tenha essas respostas. Nesse caso, minha sugestão é você partir para um conjunto YOKE. A maioria dos fabricantes vende um kit que você poderá transforma-lo em DIN futuramente (recomendo que veja a disponibilidade desse kit no seu modelo de regulador no momento da compra).
Acredite, já ministrei cursos básicos para mergulhadores apaixonados por cavernas ou naufrágios e que iniciam o mergulho com foco futuro de estar explorando esses ambientes. Não vejo nada de errado nisso. Com disciplina, treinamento e tempo de água é possível explorar qualquer ambiente com segurança. Nesse caso, a minha sugestão seria já partir para um conjunto DIN.
Outra diferença interessante de mencionar é que no sistema YOKE, o anel de vedação (o-ring) é fixado no tanque. Já no sistema DIN, esse anel fica encapsulado no primeiro estágio do regulador ficando a responsabilidade pelo bom estado e da substituição deste por conta do proprietário do regulador.
Seja qual for sua escolha, mergulhe dentro dos limites do seu treinamento e, caso queira se aventurar em ambientes mais desafiadores, procure sempre a ajuda de um Instrutor ou um ¨Divecenter¨ especializado.
Abração e Aguas Claras

Por Cadu Parisoto